Uma Questão de Ponto de Vista


Cá estava eu pensando com meus botões, sobre algo para escrever na "quase-coluna" sobre meu dia a dia, a tag Everyday. E, comecei a refletir sobre como o nosso comportamento pode fazer a diferença diante das situações que nos deparamos a cada dia.

Você já acordou sem querer levantar da cama? Reclamou que tava chovendo e depois que o sol estava quente demais? Quantas vezes respondeu a alguém especial com um "desculpe, não tenho tempo"? Já reclamou da louça, do trabalho, da faculdade, do chinelo, do vizinho que toca bateria ou da vizinha que escuta arrocha? Ficou chateado por não ter dinheiro para viajar naquele feriado ou para comprar um novo lançamento? 

Acho que passamos muito tempo da nossa vida achando que tudo está ruim, nada acontece, ninguém presta. A grama do vizinho é sempre mais verde.  Certa vez, um casal estava conversando sobre isso e considerei a resposta do esposo bastante interessante: "Se nos mudarmos para a casa dele, com certeza nossa grama será a mais verde". Tudo é uma questão de ponto de vista.

Sim, existem momentos ruins, chefes ruins, clima ruim, dias ruins... no entanto, será que precisamos mesmo ter uma atitude ruim? Ficarmos mal humorados, descontarmos nossas frustrações em pessoas que nos amam, desistir de nossos sonhos, virar uma pessoa insuportável?

Imagem relacionada

Se estiver chovendo, sorria! Não vai faltar água na sua cidade (igual anda faltando na minha kkkkk). Se o sol estiver muito quente, passe o filtro solar e aproveite isso para lembrar de que você precisa beber muita água todos os dias. Se seu chefe estiver chato naquele dia, aguenta firme, você tem um emprego! (Mas, se esse não estiver valendo a pena, não desanime e continue correndo atrás dos seus sonhos). Enfim, por mais clichê que tudo isso soe... SEJA FELIZ! 

"Não se desesperem. Não desistam. Procurem a luz do sol por entre as nuvens. Acabarão encontrando oportunidades. Não permitam que os adivinhos do pessimismo coloquem em perigo vossas possibilidades. Cultivem uma atitude de alegria. Cultivem um espírito de otimismo. Caminhem com fé, regozijando com as belezas da natureza, com a bondade dos que vocês amam (...)."

Não perca as melhores coisas da vida olhando apenas para o lado ruim. Tragédias e dificuldades sempre irão acontecer, mas a forma como você vai reagir, fará toda a diferença. E é isso que Papierllon significa para mim, transformar o seu papel, se tornar um pouco melhor a cada dia e fazer do seu mundo um lugar melhor.

Quando estiver passando por um momento ruim, sorria para alguém, talvez o dia dela também não esteja assim tão bom. Abrace alguém. Assista um filme. Coma um balde cheio de pipoca. Vá correr. Soque o travesseiro. Grite do alto de algum lugar. Chore um pouco. Mas, não deixe que seus problemas se tornem quem você é.

Se é uma parte quebrada, substitua.
Se é um braço quebrado, então engesse-o.
Se é um coração quebrado partido, então enfrente isso.
Se segure. Saiba seu nome. E siga seu próprio caminho. E tudo ficará bem. 🎶

You Might Also Like

15 comentários

  1. Parabéns pela sua "quase-coluna" kkk Descreveu muito bem o que sentimos na maioria dos dias. Sempre pensamos que o próximo dia será melhor, mas o dia de hoje pode ser o dia "bom" se tentarmos ver tudo de outra forma, às vezes e extremamente necessário olhar para o outro lado e pensar em algo melhor. Percebo que é tão fácil entrar nesse ciclo que pensar que hoje não é um bom dia que quando você vai ver você tornou-se aquela pessoa que acha todos os dias ruins e parece que anda com uma nuvem carregada em cima da cabeça.

    Beijos e tenha um bom dia :D
    Memórias de uma Leitora

    ResponderExcluir
  2. Adorei a quase coluna... hahahahaa. São reflexões importantes que em algum momento da vida precisamos fazer. Nem sempre tudo é lindo, mas sempre existe algo de lindo, mesmo no feio... E não precisa ser amanhã, pode e deve ser hoje! Belo texto!
    bjos

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Nossa você tem toda razão, a gente perde tempo demais tentando ver o lado ruim das coisas, se alguém fala algo bom, a gente tenta encontrar o lado ruim e assim vai, o mundo anda tão negativo hoje em dia que cheguei até a cogitar em apagar mina conta do face porque me estressava tanto todo dia que já não aguentava mais, no final acabei parando de seguir todo mundo só deixando as editoras e alguns grupos com foco mais literário.

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Eese é o mais importante, não se deixar parar devido aos problemas que está enfrentando. Não é fácil, pois queremos ficar sem fazer nada, mas temos que continuar sempre.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. olá!
    É muito verdade isso de sorrir para alguém. Parece que o Sol brilha até mais forte, né?
    Adorei seu texto.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Que texto lindo, essas palavras vieram na hora certa, pois ando meio chateada (mas pelo menos tenho água em casa e um emprego hahah) mas volta e meia precisamos ler algo assim, pra nos incentivar a sempre ver o lado bom de tudo. Obrigada por dividir essas palavras!

    ResponderExcluir
  7. Oi!

    Obrigada, sério. Hoje mesmo eu acordei reclamando por um motivo tão babaca, que estou com vergonha de mim HAHAHA.
    É bom parar para pensar nos nossos privilégios..
    Texto ótimo!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Oi!

    Obrigada, sério. Hoje mesmo eu acordei reclamando por um motivo tão babaca, que estou com vergonha de mim HAHAHA.
    É bom parar para pensar nos nossos privilégios..
    Texto ótimo!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Muitas vezes temos que parar e refletir nisso né?
    Reclamamos muito de barriga cheia, literalmente.
    As vezes também paro e penso: pera ai porque eu estou reclamando disso? Quantas pessoas queriam isso e não tem, queriam uma casa e não tem, queria o que comer e não tem...
    Temos que agradecer mais e reclamar menos!
    Ótimo seu texto.

    Boutique de Clichês

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem? Nossa que belo texto. Tento ao máximo na vida não ser pessimista e tento tirar o melhor de tudo, porque se não, nós não vivemos. Ainda tenho sérios problemas para colocar isso em prática mas aos poucos tento. Concordo super com você, reclamar não adianta, adianta é a gente seguir em frente e viver.
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Brenda.
    Adorei o texto!
    Tudo é uma questão de ponto de vista mesmo! Muitas vezes reclamamos por não tem algo, mas poderíamos estar agradecendo por tudo o que temos!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  12. Oie, só de olhar a imagem da zona de conforto já me sobe um calor. Porque várias pessoas deixam de fazer e de viver coisas magníficas, e essas coisas são simples... Ver o por do sol, ver o sol nascer, olhar a lua ou a estrelas. Ver um bom filme ou ler um bom livro, as desculpas são as mais variadas.
    Adorei a postagem, e espero que possamos nunca ficar nessa tal zona de conforto e que possamos aproveitar bem a nossa vida.
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Ola lindona adorei o texto, há dias em que estamos com a paciência zero e tudo nos irrita, procuro evitar essas emoções pois só nos atrapalham, gosto de carregar sentimentos leves dentro de mim. Parabéns pelo texto. bjos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem?
    Adorei a sua coluna, eu me irrito quase que toda hora, mas estou aprendendo a lidar melhor com isso.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pelo texto. O ser humano é bastante complexo e acho as reflexões que encontro aqui a respeito do tema muito interessantes. Realmente, cada coisa em nossa vida pode ser encarada através de mais de um ângulo e depende de nós escolher o ponto de vista que iremos seguir.

    ResponderExcluir